Antropofagia oswaldiana. Um receituário estético e científico

Editeur : Annablume
Nombre de pages : 136
Date de parution : 2004
Langue : portugaise
ISBN : 9788574194578
Prix :

23,00

Description :

O Movimento Antropofágico, lançado em 1928 por Oswald de Andrade, promoveu um resgate do primitivismo, até então considerado de mau gosto pelo olhar clássico e tradicionalista da cultura brasileira. A imagem do canibal foi eleita como o ícone que representaria a postura independente, crítica, irreverente e parricida do brasileiro diante do estrangeiro. Por meio da sátira, empregada na construção de manifestos, aforismos e poemas-piadas, os intelectuais pretenderam 'medicar' a nação brasileira, que sofria de um dos maiores 'males orgânicos' - o entreguismo à cultura européia. Oswald de Andrade traçou um 'diagnóstico' e uma 'profilaxia' para o 'estado clínico' do Brasil. Com a Antropofagia - 'vacina' que iria desintoxicar o país -, ele propôs uma orientação estética e ideológica, que livraria o Brasil da condição submissa, conservadora e Jeca, na qual se encontrava. Em 'Antropofagia oswaldiana - um receituário estético e científico', o leitor encontrará um panorama que analisa as pesquisas, os dilemas, as pretensões, as linguagens e as contradições de Oswald de Andrade na estruturação do Movimento Antropofágico. Este estudo, ao enfocar o projeto oswaldiano, permite também um contato com outras produções nacionais, latino-americanas e européias, além de salientar como esse diálogo intertextual construído pelo autor se deu não só com a literatura, mas também com a sociologia, a filosofia, a psicanálise, a antropologia e as ciências biológicas. Tamanho repasto originou um variegado banquete para ser degustado, ruminado e canibalizado pelo leitor.


Et aussi...