19/21 rue des Fossés Saint-Jacques
75005 PARIS (place de l’Estrapade)
À 20 m du Panthéon... Tél. : 01 43 36 34 37
Du lundi au samedi, 11-13h 14h-19h
(horaires souvent dilatés...)
Métros : Luxembourg, Cardinal Lemoine, Place Monge – Bus , 21, 27, 82, 84, 89
  •  
La Librairie, c'est aussi

As religiões no Rio

As religiões no Rio, par João do Rio
Auteur : João do Rio
Editeur : José Olympio
Nombre de pages : 271
Date de parution : 2015
Langue : Portugais
Prix : 29,50 €
ISBN : 9788503009058
Disponibilité : En stock En stock

As religiões no Rio' é uma compilação de reportagens publicadas na Gazeta de Notícias, do Rio de Janeiro, entre janeiro e março de 1904. A obra integra a coleção Sabor Literário que apresenta aos leitores textos inéditos ou pouco conhecidos de escritores. João do Rio investiga e cataloga maronitas, presbiterianos, metodistas, batistas, adventistas, israelitas, espíritas, cartomantes e até um frei exorcista do morro do Castelo (que, curiosamente, é a única presença católica em toda a obra). Os capítulos considerados como mais importantes, no entanto, são os cinco em que o autor estuda os cultos afro-brasileiros - enquadrados até os anos 1930 como infração da lei, sendo inclusive perseguidos pela polícia. Esta edição, comemorativa do centenário de sua publicação, conta com um cotejamento entre a primeira edição e os artigos da Gazeta que a originaram.

João Paulo Coelho Barreto, jornalista e cronista, nasceu no Rio de Janeiro em agosto de 1881. Começou no jornalismo aos 16 anos e, aos 18, chegou à redação do jornal Cidade do Rio. Na década de 1920, fundou 'A Pátria e o vespertino Rio Jornal'. Nas redações pelas quais passou, além de João do Rio, usou os pseudônimos Claude, Caran d’ache, Joe, José Antônio José e Godofredo de Alencar. Percorria a cidade em busca de material para suas histórias, fossem reportagem, contos ou crônicas – o que à época ainda se confundia. Assim, sagrou-se como flâneur. Suas influências literárias foram Oscar Wilde, Eça de Queiroz e Charles Baudelaire. Em 1908, escreve 'A alma encantadora das ruas', uma de suas obras mais celebradas. Em 1910, entrou para a Academia Brasileira de Letras. João do Rio faleceu aos 39 anos, em junho de 1921.

Conditions générales de vente, frais d'envoi et délais - Crédits
Librairie Portugaise - 19/21 rue des Fossés Saint-Jacques, Place de l’Estrapade, 75005 Paris
Tous les livres en portugais et en français sur le Portugal, le Brésil, l'Angola, le Cap Vert, la Guinée-Bissau,
le Mozambique, São Tomé & Principe et l'Histoire des Découvertes - librairie.portugaise@wanadoo.fr